15/11/2016

Sessão poema - Parte XXV [Eu te sinto]

Arte: Thomas saliot



Eu te sinto...

Quando te toco;

Quando não toco;

Me entorpeço só de olhar.

Mesmo com meus olhos falhos...

Vejo sua beleza.

Até quando dorme...

Relaxada de pernas para ar.

Mas a beleza não está só nos olhos de quem vê.

Está nos olhos de quem sente.

Eu te sinto.

Dentro e fora.

Nos dias de ausência, ainda lhe vejo aqui.

Almejando os toques...
                               ás vozes...
Que matam essa saudade.


Tais Medeiros

Nenhum comentário: