07/03/2016

Sessão poema - Parte X [Deram folga para os olhos, que hoje respigam areia. E a música toca... She lost control...]


Estes cortes não sagram mais.
Às vezes doem, mas não sagram mais...
A cabeça que é o problema.
Capricho ou loucura, loucura ou capricho...
Os dedos apontados em minha direção tentam cutucar minhas feridas.
Haja dedos para tantas feridas.
E esse glamour de sofrer por existir?
Pessimismo dos românticos. 
PEGUE O CULPADO, PEGUE!!!
Ele fez meus pulsos chorarem.
Lágrimas de sangue saem dos pequenos cortes.
Deram folga para os olhos, que hoje respigam areia.
E a música toca... 
She lost control...
Conduzindo-me para a dança do ultimo suspiro.

Tais Medeiros
(Aos 16)

Nenhum comentário: