01/09/2015

E após toda essa epopeia que existiu, deixa-se passar por vencido e corre ao mediador - médico - para que ele consiga convencer o intestino a um acordo - talvez um contrato CLT para que ambos fiquem bem, pois quando os remédios caseiros não dão jeito o melhor é procurar um médico. A pior parte é ter que cutucar outro lugar para salvar sua sanidade "intestiANAL". REVISANDO [TEXTICULO 00]


Sinceramente o que deixa uma mulher à beira de um colapso não é a TPM mas sim um intestino preguiçoso, que de um momento pra outro resolve virar autônomo e trabalhar quando quer. Sim, esse é o maior inimigo, e não somente das mulheres mais de qualquer ser que precise evacuar. A pior parte é quando os remédios indicados não funcionam.

Parece que esse ser de vida própria se acostuma ou se apega ao que digerimos, pois não solta. Ele não compreende que tudo que entra deve sair - mesmo que seja a força. A casca sagrada com vinho branco, suco de abacaxi, laxante natural ou industrializado, ou famoso mamão, não da jeito nesse órgão tão possessivo como é o intestino.


O intestino preguiçoso, nos ataca de tal maneira, afeta até nossa alta estima, perdemos o ânimo, ficamos irritados e inchados... É triste quando vemos nossa barriga a cada dia ganhar mais evidencia que nossa bunda, não conseguimos nem usar uma blusa mais chegada ao corpo por que já marca a "pancinha" num desespero fecal e se optar por uma mini veste já lhe dão o lugar no ônibus, achando que você está esperando outra coisinha.

-Tô esperando sim, filho da puta! Esse intestino trabalhar para eu me liberar do que me oprime.

Esse lesado ainda nos contagia com sua preguiça, pois nada queremos fazer, só almejamos o momento de liberdade intestinal. É um canastrão, pregador de peça: Você nunca sente vontade de evacuar quando está próximo ao banheiro ou em seu lar, mas é só colocar a cara na rua ele resolve se comunicar e você se retorce, contrai e reza para que consiga achar um banheiro a tempo. Até que acha e na hora daquele encontro romântico com a privada, toda aquela excitação, o intestino se comporta como moça virgem: Não liberar. E após toda essa epopeia que existiu, deixa-se passar por vencido e corre ao mediador - médico - para que ele consiga convencer o intestino a um acordo - talvez um contrato CLT para que ambos fiquem bem, pois quando os remédios caseiros não dão jeito o melhor é procurar um médico. A pior parte é ter que cutucar outro lugar para salvar sua sanidade "intestiANAL".

Tais Medeiros

merda, merda pra você, desejo merda
merda pra você também, diga merda e tudo bem
merda toda noite e sempre, amém.

Nenhum comentário: